Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ministério da Agricultura introduz seguro agrário para produtores do algodão em Nampula

O Ministério da Agricultura (MINAG) de Moçambique iniciou, em Dezembro do ano passado, um programa piloto de seguro agrário para os produtores do algodão e as empresas que fomentam esta cultura nos distritos de Monapo e Lalaua, na província de Nampula, Norte do país.

O seguro enquadra-se no Plano Estratégico de Desenvolvimento do Sector Agrário e visa proteger os camponeses e aumentar os investimentos nesta área. Numa primeira fase cobre somente uma campanha agrícola e incide sobre os incêndios.

Segundo Osvaldo Catine, chefe do Departamento de Estudos e Projectos no MINAG, em caso de ocorrência de queimadas que tenham como consequência a destruição de uma determinada cultura de algodão, os produtores dos distritos de Monapo e Lalaua e as respectivas firmas poderão ser compensados com 700 mil dólares norte-americanos.

Este valor equivale a mais de 20 milhões de meticais, dos quais dez por cada região, de acordo com a fonte.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!