Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

MDM promete divulgar imagens retratando actos de provocação

O director do Gabinete Provincial de Eleicoes do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), na província central de Manica, Tanger Maria de Jesus, diz que o seu partido esta na posse de imagens em vídeo que promete divulga-las, na ultima semana da campanha eleitoral, para desmascarar os protagonistas de iniciativas de “inviabilização” da campanha eleitoral do seu partido.

Queixando-se de alegadas perseguições as caravanas do seu partido por elementos alegadamente pertencentes ao partido no poder (Frelimo), Tanger de Jesus disse que das alegadas escaramuças e provocações não escapou a caravana do líder deste movimento, Daviz Simango, quando na quinta-feira passada escalou alguns pontos desta parcela do pais em missão de “caça” ao voto.

A fonte disse que o MDM viu-se obrigado a andar com uma máquina de filmar para reportar os acontecimentos no terreno e que para a sua divulgação vai usar os meios de comunicação social e a Internet.

Neste momento, segundo Tanger de Jesus, o MDM tem as suas atenções máximas viradas para as eleições presidenciais sem colocar de lado a possibilidade de um dia, portanto antes do 28 de Outubro, dia da votação, o Conselho Constitucional mudar a sua decisão de excluir parcialmente este partido de concorrer em nove círculos eleitorais para as legislativas e assembleias provinciais.

“Ainda há esperanças porque neste memento ainda decorrem contactos para ver se, ate lá, o CC mude de ideia e decida por um outro veredito porque na decisão actual há uma grande ilegalidade “, disse Tanger de Jesus, que também é membro do Conselho Nacional do Partido liderado por Daviz Simango.

Tecendo considerações sobre o decurso da campanha eleitoral do seu partido na província de Manica, Tanger de Jesus disse que fora as alegadas provocações ela esta a decorrer bem, tendo destacado que “as pessoas agora já não precisam de andar atrás dos políticos em grandes comícios porque sabem o que querem e em quem vão votar”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!