Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Matendene sem luz e agua há dois dias

A população do bairro Magoanine “C”, vulgarmente conhecido por Matendene, debate-se com a falta de corrente eléctrica, e consequentemente com a falta de água, há dois dias. O cenário começou na passada Segunda-Feira, quando um transformador de corrente eléctrica explodiu, deixando pouco mais de 10 mil pessoas as escuras. Esta explosão chegou a afectar também o bairro do Zimpeto, mas aí a solução acabou por ser resolvida na manha desta Terça-feira.

Por sua vez, o bairro de Matendene permanece as escuras, esperando que ate a tarde desta Quarta-feira a situação fique resolvida. Uma equipe técnica da electricidade de Moçambique, dirigiu-se ao bairro em causa, na tarde de ontem, Terça-feira, para aferir as causas da explosão do transformador.

A situação está a lesar sobremaneira os residentes desta parcela da cidade de Maputo, principalmente os comerciantes de produtos frescos, que já reclamam estar a perder os seus produtos devido a falta de electricidade associada a vaga de calor que sem tem feito sentir na capital do país.

A falta de electricidade neste bairro afecta também o sistema de abastecimento de água, que depende exclusivamente da energia. O facto, é que o fornecimento da água em Matendene é feito por via de furos que usam motobombas, estas que depende da electricidade para funcionar. Nisto, quando não há electricidade, automaticamente interrompe-se o abastecimento de água.

Para além desta situação, os residentes de Matendene reclamam também o facto de o fornecimento de energia sofrer constantes oscilações. A população fala de pouco mais de cinco cortes de electricidade por dia. A mesma disse, ao @Verdade, já ter apresentado uma carta de reclamação a empresa Electricidade de Moçambique, entretanto nunca recebeu resposta da parte desta empresa, e o problema contínua sem resolução. A esperança é de que a situação fique resolvida ainda nesta Quarta-feira. Caso não venha a acontecer, os populares vão delegar um grupo de cinco pessoas para uma conversa directa com o PCA da EDM.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!