Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

La Liga: mesmo sem show o Barcelona vence

Não foi com espetáculo diante da sua claque, mas o Barcelona fez o dever de casa e derrotou o Zaragoza por 1 a 0 este sábado, um golo de Seydou Keita foi suficiente  para se manter com folga na liderança do Campeonato Espanhol.

Com a cabeça no duelo de terça-feira contra o Arsenal, pelas oitavas de final Liga dos Campeões, Pep Guardiola – que esteve no banco de reservas após sentir uma lombalgia na última partida contra o Valencia – poupou jogadores importantes como Sergio Busquets, Andrés Iniesta, David Villa e Eric Abidal, além de ainda não contar Carles Puyol, machucado. A ausência foi sentida principalmente nas tradicionais tabelas perto da área, que desta vez não foram efetivas, sendo que Lionel Messi esteve bem marcado.

Ainda assim, os donos da casa controlaram a posse de bola, pressionaram e passaram o jogo todo perto da baliza adversária. Keita chegou a marcar de cabeça, mas teve a jogada anulada pela arbitragem. Ainda no primeiro tempo, o médio mostrou-se decisivo.

Messi fez boa jogada pela direita do ataque, passou por três marcadores e cruzou para trás. Na pequena área, Keita emendou para o fundo das redes. Na segunda etapa, embora não tenha conseguido ampliar o marcador – muito por conta da excelente atuação do guarda-redes Doblas –, o Barcelona seguiu criando chances, e não sofreu tantos sustos na defesa. Guardiola ainda colocou em campo Villa e Abidal, mas a vitória acabou mesmo magra.

Real também vence

O Real Madrid não tinha Cristiano Ronaldo, artilheiro do Campeonato Espanhol, nem Kaká, que tenta recuperar sua melhor forma. Mas no dia em que completava 109 anos, a equipe viu o alemão Mesut Özil assumir bem a responsabilidade de comandar a vitória por 3 a 1 sobre o Racing Santander.

Mesmo fora de casa e desfalcado, o time de José Mourinho comandou a partida. Para se ter uma ideia, a equipa terminou o primeiro tempo com 66% de posse de bola e 18 remates a baliza. Uma delas poderia, inclusive, ter sido o primeiro golo, se o brasileiro Marcelo não desperdiçasse uma chance incrível: driblou o guarda-redes mas desequilibrou-se na hora de rematar.

Quem não falhou foi Emmanuel Adebayor. Depois de uma tabela espetacular com Özil, o atacante apareceu em frente da baliza e abriu o placar. Na sequência, o mesmo Özil, de trivela, lançou Benzema e o francês não perdoou: 2 a 0 e gol de número 100 do Real Madrid sob o comando de Mourinho.

No segundo tempo, Casillas ainda pegou um pênalti, mas Kennedy diminuiu. No final, Benzema, dessa vez em passe de Di Maria, aumentar o placar. Adebayor também desperdiçou uma penalidade pelo lado merengue.

Confira os resultados da 27ª jornada do Campeonato Espanhol:

Mallorca 1 x 2 Valencia

Barcelona 1 x 0 Zaragoza

Atlético de Madrid 3 x 1 Villarreal

Hércules 1 x 2 Almeria

Levante 1 x 0 Espanyol

Málaga 0 x 1 Osasuna

Sporting Gijón 2 x 0 Getafe

Athletic Bilbao 2 x 0 Sevilla

Racing Santander 1 x 3 Real Madrid

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!