Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

La Liga: Atlético de Madri empata com Barcelona e fica com o título espanhol

Com um golo de cabeça de Diego Godin, o Atlético de Madri conseguiu o empate em 1 x 1 com o Barcelona neste sábado e conquistou o seu primeiro título no Campeonato Espanhol de futebol em 18 anos, coroando uma campanha que foi emocionante do início ao fim.

O Barça precisava vencer o Atlético neste confronto direto na última jornada e Alexis Sanchez colocou os anfitriões em vantagem aos 33 minutos, ao receber na área e fuzilar praticamente sem ângulo, para êxtase de um Camp Nou lotado. Mas quatro minutos após o intervalo, o uruguaio Godin aproveitou escanteio para cabecear para o fundo das redes do Barcelona.

A partir daí, o Atlético defendeu-se para garantir o empate e assegurar o seu primeiro título desde a temporada 1995-1996.

“Era algo inimaginável no começo da temporada, mas totalmente merecido”, disse o capitão do Atlético, Gabi, enquanto os seus companheiros de equipa comemoravam ao redor. “Sempre acreditamos na gente, mesmo quando estivemos em desvantagem no marcador, hoje”, ele acrescentou.

“É uma honra fazer parte disto e estar à altura dos grandes clubes.” “Vamos deixar para os torcedores comemorarem, eles merecem. Nós vamos celebrar este grande título agora, mas a partir de segunda-feira vamos focar na Liga dos Campeões da Europa, que é nossa prioridade agora.”

O Atlético, que enfrenta o Real Madrid em Lisboa para a final da principal competição europeia, terminou o Campeonato Espanhol com 90 pontos, com o Barcelona logo atrás com 87, mesmo número de pontos do terceiro, o Real.

É a primeira vez em dez anos que nem Barça e nem Real Madrid ficam com o campeonato, e a primeira em seis temporadas que o Barcelona termina sem nenhum título.

“Nós tivemos o jogo nas nossas mãos por 45 minutos, mas o que nos resta é parabenizar o Atlético”, disse o médio do Barça Andrés Iniesta à televisão espanhola.

“Sentimos muito o golo deles, são campeões merecidamente”, acrescentou o jogador da seleção espanhola. “Tentamos até o fim, mas ficamos de mãos vazias. Essa temporada acabou e temos apenas que seguir adiante.”

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!