Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Khamenei: agentes estrangeiros são suspeitos de atentados em países islâmicos

O guia supremo iraniano, Aiatolá Ali Khamenei, declarou na segunda-feira que os recentes atentados no Paquistão, no Iraque e no Irã eram obras de agentes estrangeiros que tentam gerar conflito entre xiitas e sunitas, informou o canal de televisão do Estado.

“As acções sangrentas cometidas em alguns países islâmicos, principalmente no Iraque, no Paquistão e em uma parte de nosso país criam divisões entre xiitas e sunitas”, declarou o aiatolá Khamenei. Ele acrescentou que os países da região devem prestar atenção para preservar a unidade porque os que cometem atos terroristas são directa ou indirectamente agentes estrangeiros.

Os três países citados foram palco de violências sangrentas nas últimas semanas. No domingo, dois atentados com carros-bomba deixaram quase cem mortos e mais de 700 feridos em Bagdá. Em 18 de Outubro, um atentado suicida na província de Sistão Baluchistão, sudeste do Irã, deixou 40 mortos, entre eles 15 membros da Guarda Revolucionária, o exército ideológico do regime islâmico.

No Paquistão, os últimos meses foram marcados por uma série de atentados e acções armadas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!