Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Kadhafi lança contraofensiva com artilharia pesada

Tropas líbias leais a Muammar Kadhafi lançaram contra-ataques no domingo na tentativa de retomar cidades estratégicas dominadas por forças rebeldes, enquanto intensos tiroteios ecoavam pela capital. A resistência das forças de Kadhafi, diante da revolta generalizada e da sua habilidade em contra-atacar, aumenta os temores de que a Líbia está caminhando para uma prolongada guerra civil.

Enquanto as tropas de Kadhafi atacavam e combates intensos se seguiram, um porta-voz do governo anunciava uma série de rápidas vitórias.

Os tiroteios começaram em Trípoli pouco antes do amanhecer, com rajadas de metralhadoras, algumas de grosso calibre, que ecoavam na cidade de 2 milhões de pessoas, seguidas pelo som de sirenes de ambulâncias, cânticos pró-Kadhafi e uma cacofonia de buzinas de carro. “São comemorações porque as forças do governo retomaram o controle da todas as áreas até Benghazi e estão começando a tomar o controle de Benghazi,” disse o porta-voz do governo, Mussa Ibrahim, referindo-se à segunda maior cidade controlada pelos rebeldes, situada no extremo oriente.

“Está tudo seguro. Trípoli está 100 por cento sob controle,” ele disse, desaconselhando as pessoas de irem assistir às comemorações. “Eu gostaria de aconselhá-los a não ir até lá, pela sua própria segurança.”

Enquanto Benghazi mantinha-se firme nas mãos dos rebeldes, tropas do governo apoiadas pela força aérea empurravam os rebeldes para fora da cidade de Bin Jawad, que eles haviam capturado no sábado, para Rãs Lanuf, cidade que é um porto petrolífero, a 660 km ao leste de Trípoli.

Perguntaram a um combatente que voltou ferido da linha de combate, para Ras Lanuf, o que ele havia visto. Ele respondeu: “Morte.”

No hospital de Ras Lanuf, o Dr. Heitham Gheriani disse que pelo menos 15 feridos durante confrontos perto de Bin Jawad haviam chegado ao hospital. Um jornalista francês foi baleado na perna, ele disse. Quatro rebeldes foram gravemente feridos e dificilmente sobreviverão, ele disse. Mas os rebeldes afirmaram ter derrubado um helicóptero, durante o combate. Três rebeldes falando de Ras Lanuf disseram ter visto o helicóptero cair no mar.

A TV estatal disse que as forças do governo também haviam retomado as importantes cidades costeiras Zawiyah e Misrata, imediatamente ao leste e ao oeste de Trípoli. Um morador de Misrata insistiu que a cidade ainda estava sob o controle dos rebeldes, e um porta-voz dos insurgentes em Zawiyah disse que eles haviam repelido um novo ataque das forças do governo no domingo, depois repelir dois ataques de blindados, um dia antes. “Essa manhã, houve um novo ataque, maior do que o de ontem. Ele durou uma hora e meia… Duas pessoas morreram do nosso lado e muitas foram feridas,” disse o porta-voz Youssef Shagan, por telefone.

“Ainda estamos com total controle da Praça. Agora está tudo quieto,” ele continuou. Em Trípoli, simpatizantes de Kadhafi estavam eufóricos devido a relatos sobre as cidades retomadas pelo governo e atiraram para o alto e agitavam cartazes do ditador líbio.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!