Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Justiça Militar confirma pena capital contra jornalista somali

O Alto Tribunal de Justiça Militar na Somália aprovou sábado a condenação à morte pronunciada a 3 de março último, pela jurisdição militar de primeira instância, contra o jornalista membro do movimento rebelde al-Shabab, Hassan Hanafi Hadj Abdel Salam.

Segundo o site de informações somalí “Chahid”, que dá a notícia este domingo, o juiz militar Hassan Mohamed Nour, que presidiu à sessão de recurso, precisou que a defesa não apresentou um novo elemento que necessite da pronúncia duma pena perpétua em vez da condenação capital, como ela ( a defesa) a pediu.

O juiz acrescentou que as confissões do acusado diante dos serviços encarreguados do inquérito além dos testemunhos de confirmação demonstraram que não há dúvida que Hassan Hanafia está implicado no assassinato de vários trabalhadores mediátiocos, acrescentou a mesma fonte.

O Alto Tribunal de Justiça Militar indicou que o acusado foi condenado por pertença a uma organização terrorista “al-Shabab” e implicação de formas diferentes no assassinato de cinco jornalistas no período entre agosto de 2007 e maio de 2010.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!