Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Jovens queixam-se da falta de acesso ao Fundo de Desenvolvimento Distrital em Murrupula

Os jovens, singulares e associados, que desenvolvem projectos geração de renda no âmbito do propalado empreendedorismo e auto-emprego, no distrito de Murrupula, província de Nampula, Norte de Moçambique, dizem que não têm acesso ao Fundo de Desenvolvimento Distrital (FDD), vulgo “sete milhões”.

O FDD foi criado em Dezembro de 2009 através de um decreto e destina-se à população com dificuldades em contrair empréstimos bancários nos distritos. Entretanto, a juventude de Murrupula diz que não beneficia do tal dinheiro, apesar de ter vontade de contribuir para o desenvolvimento rural.

Afonso António, de 32 anos de idade, residente no Posto Administrativo de Chinga, naquele distrito, disse que na sua localidade somente um jovem teria beneficiado do FDD para um projecto de comercialização de produtos agrícolas. Os adultos, na sua maioria do partido Frelimo, são as pessoas que mais acedem aos “sete milhões”.

Artur Lamina, de 32 anos de idade, vive na vila-sede do distrito de Murrupula e é comerciante no mercado central local. Afirmou que por várias vezes submeteu projectos ao Conselho Consultivo mas ainda não teve sucesso.

A justificação que recebe é de que as suas propostas não têm viabilidade. Ele desconfia que esta situação se deve ao facto de não ser membro do partido no poder.

Não foi possível ouvir o governo distrital alegadamente porque a administradora, Alzira Manhiça, encontra-se de férias disciplinares e os outros não podiam falar sem a sua autorização.

Enquanto isso, refira-se que governo do distrito de Murrupula apontou, recentemente, ter financiado, em 2012, cerca 165 projectos de geração de rendimento no âmbito do FDD, com destaque para a agricultura, o comércio e pequenas indústrias. Os crónicos problemas de reembolso persistem.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!