Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

INEFP e IAL graduam técnicos de agro-processamento

O Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFP) e o Instituto Agrário de Lichinga (IAL), na província nortenha do Niassa, graduaram, no domingo, 25 técnicos do curso de Agro-processamento.

O curso que vinha decorrendo nas instalações do Centro de Emprego de Lichinga, a capital provincial do Niassa, graduou técnicos destas duas instituições que ministram diversos cursos profissionais virados para o emprego e auto-emprego em matéria de agroprocessamento. Um comunicado do Ministério do Trabalho recebido pelas AIM, da conta de que a iniciativa ganhou importância particular dada a realidade vivida naquela região, com tanta riqueza agrícola, muitas vezes não explorada em modelos técnicos e científicos para a criação do autoemprego.

O curso foi financiado e orientado por especialistas do Canada e insere-se no Programa de Educação para o Emprego, levado a cabo pelo Governo moçambicano, cujos participantes tiveram igualmente a componente das técnicas de gestão em Pequenos Negócios.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!