Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Incrementado em 100% endividamento de Moçambique em 2010

Os desembolsos a favor de Moçambique de empréstimos externos aumentaram, em 2010, em cerca de 100%, face a 2009, com o sector empresarial privado a agravar a dívida externa do país na ordem de 547 milhões, contra 8,4% de incremento feito pela Administração Central.

O Banco de Moçambique (BM) refere no seu documento sobre a Balança de Pagamentos que o sector privado apresentou a mais elevada magnitude de contratação anual de empréstimos externos dos últimos cinco anos, não obstante a prevalência de alguns sinais da crise financeira internacional.

Excluindo os grandes projectos, o nível de endividamento de Moçambique aumentou igualmente em 2010, particularmente o direccionado a sectores que, apesar de contribuírem para o desenvolvimento do país, não estão intrinsecamente relacionados com actividades de produção de produtos tradicionais.

A fonte destaca, entretanto, que a avaliar pelo endividamento do sector ferroportuário e das telecomunicações, “pode- se considerar que Moçambique está a especializar- se no comércio de serviços”.

Quanto ao acréscimo de 8,4% de endividamento externo registado no sector da administração central, o BM explica que a situação se deveu ao incremento nos empréstimos para projectos de investimento em apoio ao Orçamento do Estado e de retrocessão, perante uma desaceleração de 20% nos desembolsos para programas.

De referir que para programas de desenvolvimento socioeconómico de Moçambique, os desembolsos foram no valor total de 112,4 milhões de dólares, dos quais cerca de 82,9 milhões de dólares provenientes do Banco Mundial (BIRD) e destinados ao programa de apoio à redução da pobreza e 29,5 milhões de dólares financiados pelo Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) para apoio à Reforma Económica, Boa Governação e Redução da Pobreza Absoluta.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!