Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Há males que vem pelo bem

Chove desde princípios da tarde de Quarta-feira no distrito de Alto Molócue, norte da Zambézia. Depois de um calor insuportável, finalmente, o São Pedro, decidiu abrir as suas torneiras e arrefecer um pouco os corações dos “molocuenses”.

 

 

A chuva que cai em Alto Molócue, pode significar o reviver das esperanças para os camponeses que já lançaram sementes diversas a terra, com particular destaque para o milho, que se espera que até Janeiro pelomenos sejam colhidas algumas espigas.

Se por um lado os camponeses andam alegres com a queda da chuva, há quem certamente deve estar a dar golpes ao seu coração ou sua mente. É que a vila de Alto Molócue, sobretudo das suas estradas, estão sendo asfaltadas.

Claro, não são todas, mas ao que o nosso jornal soube do edil local, Sertório Fernando, são 4km de estradas que vão ter asfalto. Dai que com a chuva que cai em Molócue sobretudo na vila, as obras poderão ter atraso na entrega, que anteriormente estava prevista para finais deste mês de Dezembro.

Porém, importa salientar que as obras estão num bom caminho. Se as mesmas terminarem, a vila de Molócue poderá ter uma outra face, quando comparado com o período passado onde a poeira era o normal para os munícipes. Estas obras foram financiadas pelo fundo de estradas, conforme disse Sertório Fernando.

Todavia, se fosse apenas o dinheiro do governo, não chegaria para fazer nada, também os doadores que apoiam a reabilitação da estrada Mocuba-Rio Ligonha, tiveram que pôr mão, sabido que a estrada nacional passa também pela vila de Alto Molócue, dai que houve esta negociação com o empreiteiro no sentido de este dentro das suas possibilidades possa resolver alguns problemas na vila, no concernente as estradas.

Como a imagem documenta, este é apenas um exemplo duma máquina em pleno trabalho na estrada, numa das ruas da vila sede.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!