Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Guebuza inaugura hospital distrital e escola secundária em Marrupa

Três distritos da província nortenha do Niassa, nomeadamente Marrupa, Maua e Nipepe já estão a beneficiar de assistência sanitária melhorada, mercê a entrada em funcionamento de uma nova unidade hospitalar na região, dotada de vários serviços médicos.

Trata-se do Hospital Distrital de Marrupa, Sexta-feira inaugurado pelo Presidente da República, Armando Guebuza, no prosseguimento da sua visita de trabalho ao Niassa, no quadro da Presidência Aberta e Inclusiva.

Na prática, o Hospital entrou em funcionamento no ano passado, oferecendo uma multiplicidade de serviços como Consultas Externas, Serviços de Urgência, Maternidade, Pediatria, Medicina, Cirurgia, Bloco Operatório, Estomatologia, Oftalmologia, laboratório, Anestesia, Farmácia e Reabilitação Física. As obras de construção, que arrancaram em 2010, custaram 58 milhões de met- icais (cerca de dois milhões de dólares).

Segundo o Director provincial da Saúde, Dinis Viegas, tudo está sendo feito no sentido de garantir o pleno funciona mento do hospital, que passa pelo reforço do efectivo de profissionais naquela unidade hospitalar e montagem do equipamento em falta, incluindo um aparelho “Raio-X”.

Em relação ao pessoal, segundo a fonte, espera-se pela graduação de cerca de 30 estudantes do curso de medicina para reforçar o efectivo naquela unidade sanitária. Entretanto, o director do Hospital, Rui Santana, confirmou que o mesmo está apetrechado de equipamento em todos os seus sectores de forma a permitir a prestação de serviços com a qualidade desejada.

Sobre o impacto deste hospital para a região, Viegas disse ser um importante investimento para o sector de saúde pois, para além do distrito de Marrupa, o mesmo vai beneficiar outros dois distritos vizinhos, cuja população era obrigada a percorrer entre 300 e 500 quilómetros para beneficiar de assistência médica para aqueles casos graves que não podiam ser resolvidos nos centros de saúde locais.

“Por exemplo, nos casos de complicações de gravidez, os pacientes provenientes de Mecula eram transportados para a capital provincial que dista a cerca de 500 quilómetros, com todos os riscos de saúde daí decorrentes. Agora, precisam de percorrer apenas 180 quilómetros a partir da sede distrital de Mecula para o Hospital Distrital de Marrupa”, disse o director provincial.

Com a entrada em funcionamento do Hospital Rural de Cuamba e como consequência imediata dos serviços disponíveis nesta unidade, em 2012, a província vem reduzindo a taxa de mortalidade infantil, tendo passado de 190 por cada 100 mil nascimentos para 60 por cada 100 mil.

O número de partos institucionais também aumentou, tendo passado de 72 por cento em 2011 para 78 por cento em 2012. Por seu turno, o director do Hospital Distrital de Marrupa, Rui Santana, garantiu que as condições estão criadas para a prestação de serviços de qualidade.

“O Hospital está apetrechado com todo o equipamento necessário para o pleno funcionamento, parte do qual acaba de ser montado, isto é na véspera da inauguração, estando apenas em falta o aparelho de Raio-X”, disse.

Ainda Sexta-feira, o Presidente da República inaugurou uma escola secundária, nos arredores da vila sede do distrito de Marrupa. Trata-se de uma infra-estrutura construída de raiz e composta por 12 salas de aulas, um bloco administrativo, uma biblioteca, um laboratório de química e biologia e um outro de física, uma sala de informática equipada com 70 computadores com acesso a internet, balneários e uma cantina.

Segundo o director da escola, Nelson Lembane, todos os compartimentos da estão apetrechados com equipamentos necessários para o bom curso das aulas. A infra-estrutura custou 2,5 milhões de dólares norte-americanos, disponibilizados pelo Banco Islâmico de Desenvolvimento.

Depois da inauguração daquelas infra-estruturas, Guebuza deixou a vila de Marrupa rumo ao distrito de Mecula, no prosseguimento da Presidência Aberta e Inclusiva, devendo escalar no sábado o distrito do Lago.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!