Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governo e parceiros promovem Mercados Rurais

O Governo moçambicano lançou na segunda-feira na cidade de Pemba, província nortenha de Cabo Delgado, o Programa de Promoção de Mercados Rurais (PROMER), orçado em cerca de 41 milhões de dólares norteamericanos.

Trata-se de um projecto cofinanciado pelo Governo moçambicano, Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (IFAD) e Aliança para a Revolução Verde, e será implementado ao longo do Corredor de Nacala, segundo noticiou a Rádio Moçambique (RM). A iniciativa vai beneficiar 15 distritos das províncias de Niassa, Cabo Delgado, Nampula, no Norte, e Zambézia, na região central de Moçambique.

O projecto deverá beneficiar 20 mil pequenos agricultores organizados em associações e cerca de 300 mil agregados familiares ligados a produção, comercialização e agro-processamento.

Esta mesma iniciativa tem como objectivo, entre outros, melhorar o acesso aos mercados agrícolas e reforçar a capacidade de implementação de políticas públicas. Actualmente, um dos grandes problemas que constrange o aumento da produção agrícola em Moçambique é o fraco acesso aos mercados, havendo casos de camponeses que vêem os seus excedentes a perderem valor comercial, quando num local vizinho há escassez de alimentos.

O projecto PROMER foi concebido com base numa experiência desenvolvida durante a implementação de iniciativas similares, como é o caso do Programa de Apoio a Mercados agrícolas (PAMA), também financiado pelo IFAD, entre 2002- 2008

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!