Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governador de Sofala insta residentes de Cheringoma a apostar na produção agrícola

O Governador da Província de Sofala, Maurício Vieira, instou os residentes do Distrito Cheringoma para apostarem na produção agrícola como forma de combater a pobreza e reduzir a prática de mendicidade, ou seja, viver na base da dependência de terceiros.

Falando nos dois comícios que orientou durante a sua visita aquele distrito, nomeadamente no Posto Admnistrativo de Inhamitanga e no povoado de Tsotse, o Governador de Sofala explicou a população presente que a Agricultura é a base principal para o desenvolvimento sócio-económico de um determinado povo, argumentando que é a partir dela que se conseguem alimentos para manter o homem saudável e matéria prima para fornecer as “nossas” indústrias.

Disse que não tem explicação alguma o sofrimento porque passam certas famílias devido a fome, enquanto possuem força suficiente para trabalharem as extensas terras ricas que possuem para o cultivo de alimentos diversificados, quer para reforçar a sua dieta alimentar e geração de renda. Ele disse que nalguns distritos por onde já passou, exemplificando os de Manica onde fora Governador Provincial do mandato passado, existe muita gente com terras ricas a sua volta mas que, entretanto, não tem sabido dar o devido aproveitamento das potencialidade que dispõem, preferindo ficar a espera que o Governo lhes de ajuda. “E como resultado da falta de visão, os mesmos camponeses vão empobrecendo e passando fome, reclamando pela falta de emprego no País” – afirmou.

Explicou que no âmbito da produção de alimentos, o Governo tem disponibilizado alguns fundos para os distritos no âmbito dos sete milhões. E o mesmo fundo pode ser aproveitado por aqueles indivíduos que precisam deste tipo de investimento. No âmbito do financiamento para iniciativas locais, o Governo Distrital de Cheringoma aplicou no ano passado cerca de seis milhões de meticais.

Para a geração de rendimento desembolsou no igual período trezentos mil meticais e na geração de emprego seiscentos mil meticais. Em termos de produção agrícola, na campanha 2008/ 2009 o Distrito de Cheringoma alcançou uma produção global de 26 mil toneladas. No Distrito de Cheringoma os residentes locais tem se empenhado bastante na produção agrícola, segundo o relatório do Govrerno Distrital local apresentado ao Governador Maurício Vieira.

O Distrito de Cheringoma possui potencialidades agrícolas, florestal e faunistica invejável. Com uma extensão territorial de sete mil quilómetros quadrados, cerca de trinta por cento de solos são propícios para a prática de agricultura.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!