Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Gasto mais de um bilião de dólares na pesquisa de gás e petróleo

O Estado moçambicano já aplicou cerca de USD 1,1 bilião de dólares norte-americanos em acções de pesquisa de gás natural e petróleo no país, no período compreendido entre 2006 e primeiro semestre de 2011.

O montante foi aplicado pela Empresa Nacional de Hidrocarbonetos (ENH) na sua participação em 12 projectos de pesquisa de hidrocarbonetos e petróleo por companhias multinacionais envolvidas em trabalhos de prospecção destes recursos naturais, segundo um documento daquela instituição estatal contendo acções desenvolvidas por si ao longo dos últimos 30 anos da existência legal da Empresa Nacional de Hidrocarbonetos.

Segundo ainda o documento, cerca de 53% do valor global investido nas pesquisas do petróleo e outros hidrocarbonetos foram aplicados na chamada Área 1 da Bacia do Rovuma, em Cabo Delgado, e 25% nos blocos 16 e 19 de Pande e Temane, na província de Inhambane, que representam a componente de pesquisa offshore.

O relatório salienta ainda que a ENH contribuiu com cerca de 470 milhões de dólares norte-americanos para construção e melhoramento do gasoduto que liga os jazigos de gás natural de Pande e Temane à vizinha África do Sul.

Os investimentos daquela companhia naqueles projectos destinam-se a acrescentar valor aos recursos naturais, através da participação comercial na pesquisa, produção, processamento, transporte, distribuição e comercialização de hidrocarbonetos em Moçambique.

Refira-se que a Empresa Nacional de Hidrocarbonetos acaba de manifestar a intenção de aumentar dos actuais 25% para cerca de 40% os seus níveis de participação nos futuros blocos de extracção de hidrocarbonetos em Moçambique, visando aumentar a colecta de receitas e incrementar o controlo estatal sobre companhias estrangeiras que operam no país.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!