Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Garimpo polui seis rios

Pelo menos seis rios que correm na província de Manica são tidos como estando a sofrer uma poluição acentuada devido à extracção ilegal dos recursos minerais. Trata-se do Púnguè, Lucite, Revue, Zambuzi, Nhancuarara e Chimeza, cujas águas se apresentam completamente coloridas em consequência da lavagem dos minerais, com destaque para o ouro, potencialmente explorado no distrito de Manica.

Segundo escreve o jornal Diário de Moçambique, as águas dos referidos cursos naturais e permanentes adquiraram, em consequência disso, a cor da terra, o que advém do processo de separação dos minerais, da terra. Para além do ouro, ocorre na província de Manica, a exploração da turmalina, granadas, curundus, pedras de construção civil e argila, este último recurso aplicado no fabrico de tijolos para construção civil.

As autoridades do sector dos Recursos Minerais e Energia estão a incentivar a constituição de associações de garimpeiros, de modo que estes tenham acesso a apoios técnicos, para permitir que se acabe, por completo, com a exploração dos recursos minerais de forma atentatória ao meio ambiente. Estes rios atravessam áreas territoriais dos distritos de Manica e Sussundenga, onde, geralmente, acontece a extracção do ouro. A vida das espécies aquáticas é descrita como estando em causa.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!