Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Fórum Económico Mundial começa esta quarta-feira

Fórum Económico Mundial começa esta quarta-feira

Tem início esta quarta-feira o Fórum Económico Mundial que reúne em Davos, na Suíça, enviados de vários pontos do mundo para discutir assuntos como a dívida pública europeia, as pressões inflacionárias e as guerras cambiais. O Jovem Líder Erik Charas está presente no Fórum, é o único moçambicano que participa no evento, e entre vários compromissos fará parte de um debate juntamente com Melinda Gates, umas das dez mulheres mais importantes do mundo, segundo a revista Forbes.

O caso das economias emergentes como a China e a India também fazem parte da agenda deste encontro, que deverá ainda discutir o crescimento económico no Brasil e remodelação da economia norte-americana.

A estância de Inverno de Davos, na Suíça, está a preparar-se para a edição deste ano do Forum Económico Mundial. Em declarações antes do início do encontro, o fundador do Fórum, Klaus Schwab, disse que o mundo enfrenta novos desafios: “Tomemos outra vez o caso da emergência da China, a emergência da India, representadas aqui como nunca antes. Tomemos as consequências dos meios de comunicação sociais, como têm impacto mesmo na política. Tomemos a necessidade de criar uma situação onde diminuímos outra vez a alavancagem financeira no nosso mundo. Tomemos a noção integral de emprego e desemprego em particular. Todas estas questões e características pertencem a uma nova realidade.”

Síndrome

Para o fundador do Fórum, o mundo sofre neste momento do síndrome de “desgaste global” provocado pela crise económica, encontrando-se demasiado fraco para enfrentar outro choque mundial. Klaus Schwab receia ainda que a crise económica se transforme numa crise social e adverte que o Fórum não soluciona quaisquer problemas.

O fundador do Fórum diz, no entanto, que este encontro pode ser a melhor plataforma para aproximar variadas formas de ver os problemas e de encontrar soluções para os mesmos, uma vez que pode ajudar a criar novas ideias, objectivos e pontes de ligação: “O principal em Davos é dialogar todas estas questões de maneira interdependente, de maneira sistémica porque o nosso mundo ainda está estruturado num formato demasiado compartimentado, onde as questões comerciais são tratadas com a Organização Mundial de Comércio, questões de saúde com a Organização Mundial de Saúde quando, na verdade, todas estas questões estão interligadas.”

O Fórum Económico Mundial reúne líderes empresariais e políticos de todo o mundo, tendo sido criado há 41 anos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!