Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Fiscais do PNQ confiscam pontas de marfim

As equipas de fiscais do Parque Nacional das Quirimbas (PNQ) surpreenderam dois indivíduos, presumivelmente caçadores furtivos, na posse de duas pontas de marfim, na aldeia de Bangala-2 no distrito de Macomia, província de Cabo Delgado, norte de Moçambique.

Os indivíduos faziam-se transportar numa motorizada de marca “Lifo”, com chapa de matrícula CMCN 357-07, ostentando o nome Muterua que se presume ser a identificação do seu proprietário.

Segundo os relatos da fiscalização, ao aperceberem-se da sua presença, os dois indivíduos encetaram uma fuga para o interior da aldeia, o que originou uma “perseguição sem trégua” num raio de 500 metros.

Ao ouvirem os dois tiros disparados ao ar, como advertência, os presumíveis furtivos abandonaram a motorizada e o marfim que transportavam e puseram-se em fuga, segundo o matutino “Notícias”.

Depois de confiscar as pontas de marfim e a respectiva motorizada, a equipa de fiscalização, liderada pelo Chefe do Departamento de Fiscalização do PNQ, Hermínio António, dirigiu-se imediatamente ao comando distrital da Polícia da República de Moçambique (PRM) de Macomia.

José Dias, administrador do Parque Nacional das Quirimbas, lamentou o facto de haver indivíduos que persistem em delapidar e matar impiedosamente espécies proibidas por lei, como é o caso de elefante.

“A nossa missão é proteger e conservar a biodiversidade existente no parque. Nestes termos, vamos continuar a intensificar a patrulha e fiscalização desta área de conservação para que as gerações presentes e futuras possam usufruir deste valioso recurso faunístico”, disse José Dias.

Desde a abolição do comércio de marfim no mundo, em 1989, a venda de produtos feitos a partir deste tipo de troféus é ilegal.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!