Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Filho mata mãe em Lichinga

Um indivíduo que responde pelo nome de Julito Julião Ofesse, de 19 anos, residente no bairro de Namacula, em Lichinga, matou, há dias, a sua própria mãe, que em vida respondia pelo nome de Ana Bonomar, de 71 anos.

Segundo o jornal Diário de Moçambique, que cita Alfredo Fumo, chefe do gabinete de imprensa do Comando Provincial da Polícia de República de Moçambique (PRM) em Niassa, o jovem, que está a contas com a polícia, agrediu mortalmente a sua mãe, com recurso a um cabo de machado, numa altura em que a progenitora estaria a discutir com alguém da vizinhança.

O filho não terá gostado da atitude da mãe e, vai daí, resolveu mandar calá-la à pancada! Em consequência dos graves ferimentos contraídos da agressão, a idosa foi levada ao Hospital Provincial de Lichinga, onde pouco depois viria a perder a vida, de acordo com relatos da fonte policial.

Ainda em Lichinga, uma cidadã que em vida respondia pelo nome de Filomena Bonomar, de 35 anos, residente no bairro de Sanjala, foi estrangulada por um indivíduo ainda a monte. A vítima perdeu a vida no hospital, para onde fora evacuada.

A PRM em Niassa informou ainda que, das ocorrências da semana passada, destaque para o caso de um menor, de 12 anos, que foi atacado mortalmente por um crocodilo no rio Lugenda, distrito de Mandimba. Os restos mortais não foram localizados.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!