Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Festival de Jazz espectativas traídas

O primeiro dia do Festival de Jazz foi uma autêntica traição às espectativas de centenas de pessoas amantes do rítimo que se dirigiram, nas primeiras horas da noite de sexta-feira – santa para os cristãos -, ao Parque dos Continuadores. Única infra-estrutura desportiva de atletismo na capital moçambicana.

A desorganização foi a coisa mais notária no evento, chegando mesmo a ofuscar as características típicas de um espectáculo musical: a animação e a adrenalina. Marcado para começar as 18:30horas, o espectáculo só veio a iniciar por volta das 22:30 horas.

Stewart subiu ao palco para pedir desculpas. E o público acenou, na crença que a desorganização havia sido ultrapassada. Debalde. Os problemas técnicos reivindicram espaço, e a desorganização teve que ceder.

Em nome da organização não actuaram Lisa James e Moreira Chonguiça.Os americanos Syro Gyra, que deviam ser os últimos a actuar, acabaram sendo os primeiros. O tempo não dava.

Aliás, o espectáculo só veio a terminar às 4 horas, duas horas mais tarde do que o previsto. Não sabemos se a traição foi propositada pelos (des) organizadores, a 9FM, Janine Viseu, mais outros que ignoramos.

Mas veio a calhar numa semana que aos cristãos lembra a grande traição que Jesus Cristo sofreu. Esperemos pelo segundo dia.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!