Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Falta de identificação atrasa subsídios de idosos

Os sistemáticos atrasos no pagamento dos subsídios dos idosos devem-se à falta de apresentação dos respectivos documentos de identificação civil ao Instituto Nacional de Acção Social (INAS), na altura do processamento dos valores.

A justificação é de Olívia Faite, chefe do Departamento Central de Assistência Social do INAS, acrescentando que os pagamentos são depois feitos mediante a confirmação da identificação por familiares dos idosos ou pessoas próximas a eles.

Para se ultrapassar a situação, o INAS está a passar documentos de identificação provisórios aos idosos e a sensibilizá-los para se dirigirem aos serviços de Registo e Notariado para pedirem novos bilhetes de identidade, segundo ainda Faite.

Ela falava ao Correio da manhã à margem da 15ª sessão do conselho consultivo alargado do INAS, que termina amanhã, sexta-feira, na Barragem dos Pequenos Libombos, distrito de Boane, em Maputo.

Entretanto, a nova tabela do Subsídio Social Básico ao idoso aprovado nos finais de 2012 pelo Governo já está em vigor desde Janeiro de 2013 e fixa o valor máximo de 500 meticais/mês e mínimo de 250 meticais por mês.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!