Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Fábrica de anti-retrovirais de Moçambique só em 2013

A fábrica de anti-retrovirais em construção em Moçambique, com o apoio do governo brasileiro, deverá começar a disponibilizar medicamentos a partir de 2013, asseguraram técnicos brasileiros.

Neste momento, decorrem as obras finais da unidade fabril, que devem terminar entre Janeiro e Fevereiro próximos, seguidas da instalação dos equipamentos e validação da produção de medicamentos.

“A nossa previsão é que, até ao final de 2012, todos esses processos de validação já estejam terminados e 2013 seja um ano especial para os moçambicanos, ano em que efectivamente começa a produção de anti-retrovirais e outros medicamentos, principalmente os que afligem a população, como pressão alta e diabetes”, disse José Luiz Telles, director do escritório da Fiocruz em África.

A primeira fase do projecto está avaliada em 8 milhões de dólares valor que aumentará para os 23 milhões com a conclusão de todo o projecto.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!