Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Explosões matam 50 pessoas no aniversário da invasão do Iraque

Carros-bomba e uma explosão suicida atingiram bairros xiitas de Bagdad e ao sul da capital iraquiana, esta Terça-feira (19), matando pelo menos 50 pessoas, no 10º aniversário da invasão que derrubou Saddam Hussein.

Os insurgentes islâmicos sunitas ligados à Al Qaeda intensificaram ataques a alvos xiitas desde o começo do ano, numa campanha para alimentar a tensão sectária e minar o governo do primeiro-ministro Nuri al-Maliki.

Carros-bomba explodiram, Terça-feira, perto de um movimentado mercado de Bagdad, próximo da altamente fortificada Zona Verde, e noutros bairros da capital. Um homem-bomba que conduzia um camião atacou uma base da polícia numa cidade xiita ao sul da capital, informaram as fontes policiais e hospitalares.

“Estava a conduzir o meu táxi e de repente senti o meu carro balançar. A fumaça estava por todo o lado. Vi dois corpos no chão. As pessoas estavam a correr e gritar em todo o lugar”, disse o taxista Al Radi, que foi pego numa das explosões em Sadr City, em Bagdad.

Outras 160 pessoas ficaram feridas nos ataques, segundo as autoridades hospitalares. Nenhum grupo assumiu a responsabilidade pelas explosões desta Terça-feira, porém o braço iraquiano ligado à Al Qaeda, Estado Islâmico do Iraque, jurou recuperar o território perdido na sua longa guerra contra tropas norte-americanas.

Desde o início do ano, o grupo realizou uma série de grandes ataques. Uma década depois de os EUA e as tropas ocidentais invadirem o Iraque e removerem Saddam do poder, o Iraque ainda enfrenta dificuldades com uma insistente insurgência, fricções sectárias e instabilidade política entre facções xiitas, sunitas e curdas.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!