Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Esposa do líder comunitário e secretário do círculo assassinados em Inhambane

O secretário do círculo e a esposa do líder comunitário da sede distrital de Funhalouro, na província de Inhambane, foram assassinados com recurso a uma arma de fogo por pessoas ainda desconhecidas.

O crime, cujas as causas são desconhecidas, aconteceu no passado fim-de-semana, na localidade de Mavume. Não foi possível apurar a identidade das vítimas. O líder comunitário, de 66 anos de idade, ficou gravemente ferido.

Juma Aly Dauto, chefe das Relações Públicas no Comando Provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Inhambane, disse que se está no encalço dos supostos assassinos.

“Nós pensávamos que já era uma zona calma, mas surpreenderam-nos e neste momento a polícia está a trabalhar afincadamente para proteger a população e os seus bens”, disse o agente da Lei e Ordem.

Em declarações à Televisão de Moçambique (TVM) Juma Dauto alegou tratar-se de homens armados da Renamo, tendo em conta as características dos malfeitores, fornecidas pela população.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!