Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Equipas de Nampula devem mais de 100 mil meticais à Associação Provincial de Futebol

A Associação Provincial de Futebol em Nampula (APFN), província com o mesmo nome, Norte de Moçambique, tem por cobrar, às equipas que por tradição disputam o campeonato local, um total de 129.850 meticais, valor referente às multas por várias infracções cometidas ao longo da época futebolística de 2012.

Entretanto, a agremiação que gere o Desporto Rei nesta parcela do país, diz que as equipas que ainda não saldaram as suas contas não serão filiadas este ano.

A lista das dívidas é liderada pela formação do Benfica de Angoche, com uma multa avaliada em 30.550 meticais, seguido do Moçambique Futebol Clube da Ilha de Moçambique, com 25.100 meticais, Sporting de Nampula, com 20.350 meticais.

Das 13 equipas que disputaram o Nampulense em 2012, apenas o Ferroviário e o Desportivo, ambos de Nacala-Porto, e o Sporting de Monapo, não têm algo a pagar à APFN.

As restantes formações, como é o caso do Benfica de Nampula, Casa Issufo FC, Hospital Central FC, Sporting de Angoche, Benfica de Mona e de Monapo, Liga Muçulmana da Ilha de Moçambique, têm dívidas, embora consideradas irrisórias uma vez que variam entre quatro mil e sete mil meticais.

José Sarajabo, vice-presidente para alta competição em Nampula, disse ao @Verdade que a inscrição das equipas mediante a liquidação destas dívidas é uma medida irreversível.

A acumulação dos montantes já estava a virar um ciclo vicioso, facto que alimentava os frequentes actos de vandalismo nos campos de futebol. Aliás, a fonte frisou que em 2009 e 2011, a APFN não fez nenhuma cobrança aos clubes porque receava que o Campeonato Provincial de Futebol seria disputado por poucas equipas.

Enquanto isso, a filiação de equipas arrancou a 06 de Janeiro passado, mas até agora apenas o Sporting e Benfica de Monapo, Ferroviário de Nacala, Benfica e Sporting da cidade de Nampula formalizaram o processo que termina a 20 do mês em curso.

O Sporting e o Benfica de Angoche, o Benfica de Moma, Casa Issufo FC, Hospital Central FC e a Liga Muçulmana da Ilha de Moçambique ainda estão por regularizar a situação.

Refira-se que o Moçambique Futebol Clube da Ilha de Moçambique tem uma sanção de três anos sem participar do Nampulense devido a uma penalização decorrente da sua desistência da prova no ano passado.

José Sarajabo afirma que caso as equipas devedoras não se filiem para a presente época futebolística, será uma mais-valia porque a APFN pretende realizar um campeonato com mais qualidade. Num outro desenvolvimento, Sarajabo refere que este ano a sua agremiação vai funcionar com um orçamento avaliado em 527.350 meticais.

Deste valor, 150 mil meticais faz parte do valor a ser alocado pela Federação Moçambicana de Futebol, 40 mil meticais resultantes de receitas de jogos e outras rubricas constantes do plano e orçamento aprovado na recente Assembleia Ordinária.

Segundo o regulamento de jogos, o sorteio das equipas que vão disputar a taça de honra está agendado para 22 de Fevereiro corrente.

O arranque do Nampulense está previsto para 23 de Março próximo. Refira-se que para nesta época, a APFN vai trabalhar para no sentido de as suas actividades terminarem antes de Setembro, para dar lugar à realização da poule norte de apuramento para o Moçambola 2014.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!