Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Epidemia de cólera faz 16 mortos na cidade congolesa de Ponta Negra

Dezasseis pessoas morreram dos 1.054 casos registados em Ponta Negra (sul) na sequência de uma epidemia de cólera que assola desde Novembro de 2012 este principal centro económico do Congo, segundo um relatório divulgado, Quinta-feira (13).

Este relatório preconiza a instauração dum novo plano reforçado de resposta à cólera baseado na defesa para a mobilização dos recursos, na identificação total das circunscrições sócio-sanitárias e das comunidades, na identificação do saneamento, no reforço da supervisão epidemiológica e na assistência dos casos.

A cólera surgiu em Ponta Negra, depois das chuvas torrenciais de 17 e 18 de Novembro último que causaram perdas de vidas humanas e avultados danos materiais e favoreceu o aparecimento de várias doenças das quais nove casos de diarreia de carácter colérico, dos quais quatro confirmados no Laboratório Nacional de Saúde Pública (LNSP).

Com efeito, durante o sinistro causado pela chuva diluviana, várias casas foram destruídas e 1.407 pessoas sem abrigos estavam alojados no recinto da feira e da caserna dos bombeiros. O regresso precipitado destas populações sinistradas *as suas casas potencialmente infectadas pelas águas sujas e, depois, esta chuva causou o ressurgimento das doenças diarreicas, incluindo a cólera.

Entre os factores que agravam a situação da epidemia em Ponta Negra figura a insalubridade permanente na cidade. Refere-se igualmente às más condições das latrinas, ou mesmo a ausência de latrinas, o consumo da água e de bebidas não potáveis das fontes desconhecidas, às habitações situadas perto das zonas de risco de doenças, à proximidade das populações com o ambiente insalubre e às más condições de higiene alimentar.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!