Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Energia: Roubos e vandalização ascendem a 51 Milhões de USD

Os roubos de energia, equipamento e material eléctricos, bem como a vandalização da respectiva infra-estrutura custaram a Moçambique, nos últimos cinco anos, mais de 51 milhões de dólares norte-americanos.

 

 

O Ministro da Energia, Salvador Namburete, disse que a gravidade deste problema não só interfere no sistema de fornecimento de energia, causando graves transtornos aos consumidores, mas também ameaça a agenda de combate a pobreza.

“É urgente eliminar este mal que vem impondo ao Governo um gigantesco esforço de reposição. Este problema faz com que os que não têm acesso a energia tenham que esperar por mais tempo”, afirmou Namburete.

Falando, quarta-feira, em Maputo, no parlamento moçambicano (AR), durante a sessão de perguntas ao Governo, Namburete indicou que o passo de electrificação rural poderia ser mais rápido se não fosse contrariado por este ‘gravíssimo’ problema.

Segundo o Ministro, o Governo despende anualmente acima de 3,6 biliões de meticais (100 milhões de dólares EUA) na electrificação rural, montante que está aquém das necessidades reais para se cobrir aqueles que ainda não têm acesso a energia.

Moçambique tem uma taxa de acesso a electricidade de 17 por cento, um progresso que, para Salvador Namburete, é assinalável já que em 2004 esta taxa era de apenas sete pontos percentuais.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!