Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Empregados do estádio Moses Mabhida em Durban e polícia enfrentam-se por corte de salários

A polícia de Durban informou esta segunda-feira teve de utilizar material antidistúrbios para dispersar os protestos por causa de salários dos trabalhadores do estádio Moses Mabhida, depois da partida de domingo entre a Alemanha e a Austrália.

Cerca de 400 empregados do estádio manifestara-sem para protestar pelo corte de salários, de 250 rands por dia para 190 rands. A polícia conseguiu dispersar a maioria dos manifestantes, mas 200 continuaram a protestar nas ruas próximas ao estádio, o que obrigou as forças de ordem a utilizar balas de borracha e granadas de gás lacrimogénio.

Ninguém ficou ferido ou foi preso, segundo a fonte, que acrescentou que os adeptos que estiveram a presenciar a vitória germânica já haviam deixado o estádio quando começaram os protestos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!