Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Em Quelimane o subúrbio foi votar

Em Quelimane o subúrbio foi votar

Antes das cinco as pessoas da periferia de Quelimane já estavam nas assembleias de voto. No centro da cidade só depois das sete é que os residentes acordaram para votar. Ainda assim, os suburbanos foram os últimos a sair dos locais de votação…

As assembleias de voto abriram cedo: 7horas. Porém, nos bairros periféricos, com destaque para Coalane, Chirangano e Manhua, os eleitores fizeram-se aos locais de votação muito antes da abertura das mesas. Em Coalane, onde Manuel de Araújo votou, as urnas fecharam muito depois das 18h.

Por outro lado, Abubacar Lourenço Bico votou no centro da cidade. Na Escola Primária Completa de Quelimane. Ou seja, um votou no local que simbolizava o poder que os jovens do subúrbio, desempregados e sem expectativas de um futuro, queriam ver destruído; outro depositou o seu voto no local onde morava a pobreza.

“Vamos votar para declarar a independência total e completa de Quelimane”, referiu Hélio Vitória que mesmo antes de deixar cair a sua vontade na urna já dava como um dado adquirido o triunfo de Manuel de Araújo.

Uma fila enorme de jovens, que começava à entrada de uma sala com portas sem tinta e paredes sujas e ia até a berma da Av. Julius Nyerere, já quase sem asfalto, chegou cedo e não arredou o pé antes de exercer o seu direito de voto. Trajavam roupas sujas, rasgadas e pálidas, mas queriam votar.

“Eu deixei a minha bicicleta e estou aqui para votar na mudança”, disse Eleutério Jacinto. “Estamos fartos”, reforçou um outro cidadão no meio da fila. Em coro as pessoas gritavam o mesmo: “Estamos fartos. Não queremos mais ladrões.”

Nos outros bairros periféricos, como Icidua, Sangarivieira e Chirangano a polícia desrespeitou literalmente as leis eleitorais. Intimidou as pessoas e aproximou-se demasiado das mesas de votação. Na Escola Primária Completa de Janeiro a polícia não saiu do recinto daquela instituição de ensino. Porém, isso foi no período da noite.

Durante a manhã um carro sempre esteve próximo do local. Só saiu quando @Verdade e o Savana começaram a tirar imagens.

Em Coalane, por exemplo, os jovens queriam que a fila andasse mais rápido e, como durante a campanha, a palavra de ordem era vigilância, porque a possibilidade da fraude foi incutida na cabeça de todos, a demora podia significar “uma manobra da Frelimo”.

A polícia, diga-se, que devia estar a 300 metros de um posto de votação tentou, de alguma forma, impedir que os jovens votassem, mas ninguém quis deixar de exercer um direito consagrado pela constituição.

Manuel de Araújo e Abubacar Lourenço Bico fizeram campanhas antagónicas. O primeiro foi aos bairros a pé e Bico invadiu os bairros com viaturas que os residentes só viam quando calhava circularem na cidade de cimento. “Vamos vencer o cimento”, diziam os jovens.

No período da noite, quando a vitória de Araújo já era um acto consumado, a polícia ficou mais violenta e os jovens ripostaram. Em Coalane, onde o candidato do MDM votou, a violência foi mais cruel e chegou a atingir requintes de malvadez. Era como se o povo tivesse vencido uma eleição contra a PRM e os últimos tivessem um mau perder. Mesmo com o poder das armas, os jovens “vândalos” não arredaram pé e continuaram gritando “povo no poder”…

 

CONFIRA OS RESULTADOS PROVISÓRIOS APURADOS ATÉ APÓS AO ENCERRAMENTO DOS POSTOS DE VOTAÇÃO




Lourenço Aboobacar
Manuel de Araujo
Comuns
Local de Votacao Mesa Eleitores Validos Protestados Validos Protestados Nulos Brancos
TOTAL EPC Quelimane 11 10.259 1.420 0 1.797 0 37 21
TOTAL EPC 3 de Fevereiro 9 8.724 857 0 1.371 0 28 18
TOTAL EP1 Unidade Popular 8 7.759 744 0 1.591 0 42 18
TOTAL EPC Sinacura 9 8.527 827 0 1.429 0 45 23
TOTAL EPC de Aeroporto 8 7.736 973 0 1.430 0 63 23
TOTAL EP1 de Aerop. Expansao 8 7.909 702 0 944 0 43 20
EPC de Janeiro 7 6.812 758 0 1.464 0 42 30
TOTAL Campo de Benfica (ex-EPC 25 de Junho) 8 7.923 696 0 1.612 0 49 18
TOTAL EP1 de Sangariveira 7 6.792 553 0 1.061 0 62 37
TOTAL EPC de Icidua 7 6.936 420 0 619 0 42 19
TOTAL EPC Coalane 10 9.136 917 0 2.271 0 36 38
TOTAL EPC Cololo 7 6.836 617 0 1.069 0 64 31
TOTAL EPC 17 de Setembro 10 9.433 1.120 0 1.838 0 50 28
TOTAL EP1 Manhaua 8 7.881 837 0 1.081 0 45 31
TOTAL Esc. Sec. Ed. Mondlane 7 6.956 586 0 1.307 0 57 21
TOTAL EPC Micajune 7 6.273 502 0 845 0 36 18
TOTAL EPC Namuinho 6 5.364 632 0 487 0 39 12
TOTAL EP1 Gogone 4 3.686 207 0 242 0 14 14









TOTAL GERAL 141 134.942 13.368 0 22.458 0 794 420
Total incluíndo votos em branco e nulos

36,09
60,63


Total sem incluir os votos em branco e nulos

37,31
62,69


Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!