Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Em estudo viabilidade económica da linha férrea Sul-Norte dos CFM

Estudos de viabilidade económica da construção de uma linha férrea ligando Moçambique do Norte ao Sul estão em curso, segundo uma fonte do Ministério dos Transportes e Comunicações.

A mesma fonte garantiu, entretanto, ter sido já concluída parte deste estudo no trecho Nhamayabwe/Mutuali, incluindo o troço Quelimane/Mocuba, na província central da Zambézia.

O ministro dos Transportes e Comunicações, Paulo Zucula, evitou falar em valores específicos para a concretização do aludido projecto, alegando que tal vai depender da conclusão do referido estudo.

“Mas posso garantir que o Governo está neste momento empenhado na procura de financiamento para o arranque das obras”, avançou Zucula.

O ministro dos Transportes e Comunicações não indicou também o período do início das referidas obras que serão de raiz, que a concretizar-se servirão para facilitar o escoamento da produção agrícola do Norte de Moçambique para o Sul que está a ser feita, na sua maioria, pelo sector familiar.

Nacala

Quanto à linha férrea de Nacala, Zucula revelou que a mesma está a conhecer o seu momento final na reestruturação accionária, devendo arrancar em 2012 a sua construção para servir não apenas Moçambique, mas também os vizinhos nortenhos Malaui e Zâmbia.

Trabalhos iniciais visando a sua reabilitação arrancaram em Novembro de 2005 e foram interrompidos pouco depois devido à chuva que destruiu um troço de 77 quilómetros entre Cuamba e Entre-Lagos, em Moçambique.

As mesmas obras estavam, na altura, a consumir cerca de 29,6 milhões de dólares norte-americanos assegurados pelos governos de Moçambique, Malaui e Zâmbia e por uma agência de desenvolvimento dos Estados Unidos da América (EUA).

A principal ligação dos transportes ao longo do Corredor de Desenvolvimento de Nacala é a linha férrea que liga a Zâmbia Oriental, o Centro e Sul do Malaui, e o Norte de Moçambique ao porto de Nacala, junto do Oceano Índico.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!