Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Educação em Nampula pondera “afastar” professores com baixo aproveitamento pedagógico

As autoridades que gerem a Educação na província de Nampula, Norte de Moçambique, estão a ensaiar impedir alguns professores de leccionar as classes com exames devido ao seu fraco aproveitamento pedagógico nas mesmas, sobretudo na 10ª e 12ª classes.

Bruge Ruphia, director dos Serviços da Educação Juventude Ciência e Tecnologia e Cultura, não avançou o número de docentes que serão abrangidos, mas explicou que a medida visa impor disciplina no processo de ensino e aprendizagem e exigir maior empenho.

A mesma medida, segundo a fonte, é consequência do fraco aproveitamento pedagógico que os alunos das classes com exames nas escolas da cidade de Nampula em particular têm acumulado.

A título de exemplo, Ruphia referiu que em 2012 as 10ª classes dos cursos diurno e nocturno registaram um aproveitamento pedagógico de 67.4 por cento, contra 73.2 de 2011. Esta situação não é recente. Deve-se, em parte, ao facto de um professor formado em Psicologia aventurar-se para leccionar a disciplina de Biologia, o que não é saudável para o ensino.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!