Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Edil de Nampula suspende dois funcionários por venda de talhões

Dois funcionários do Conselho Municipal da Cidade de Nampula, identificados pelos nomes de Lucas Ngombe, auxiliar administrativo, e João Cuarranha, técnico superior de topografia, foram suspensos das suas actividades alegadamente por envolvimento na venda de talhões em diferentes bairros de expansão daquele ponto do país.

A cessação de funções foi ordenada pelo edil Castro Namuaca e resultou de sucessivas queixas relacionadas com os conflitos de terra e venda de talhões nos bairros da cidade de Nampula. O despacho que atesta esta medida está afixado na vitrina do município e ostenta o número 262/97, datado de 02 Maio corrente.

Os visados são igualmente de emitir licenças falsas de construção, dupla atribuição de um único talhão a diferentes pessoas, dentre outras infracções. Em relação a este assunto, o @Verdade apurou que João Cuarranha é apontado como cabecilha de uma rede de indivíduos que vivem na base da venda de talhões e burlas, cujos preços variam entre 150 e 200 mil maticais. Nestas transacções, 10% do valor total do negócio é entregue aos intermediários do processo.

Refira-se que este ano, o Município de Nampula parcelou novos bairros de expansão, nomeadamente Marrere, Namicopo, Muahivire e Natiquiri, mas todos eles já povoados.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!