Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Disputa de terra termina em mortes de duas pessoas em Nampula

Dois jovens da mesma famílias, ambos de 19 anos de idade, encontram-se detidos no Comando Provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Nampula, desde semana passada, por alegadamente terem espancado dois tios seus até à morte.

O episódio aconteceu no povoado de Muriasse, no distrito de Nampula. As duas vítimas mortais, cuja identidade não nos foram reveladas pelas autoridades, eram idosos com aparentemente mais de 60 anos de idade.

Eles espancados até à morte pelos seus próprios sobrinhos pretensamente por terem vendido uma parcela de terra que, por herança, pertencia aos autores do acto macabro.

Os dois jovens recorrem a objectos contundentes, com os quais desferiram golpes fatais contra as vítimas, que não perderam a vida no local.

Zacarias Nacute, porta-voz da PRM em Nampula (PRM), disse, no habitual briefing semanal, que depois de consumar o acto, os dois jovens puseram-se em fuga, tendo sido neutralizados por populares dias depois do assassinato e entregues às autoridades policiais.

Aparentemente arrependidos, os dois indiciados confessaram o seu envolvimento no crime e afirmaram que a intenção não era matar os seus tios, mas sim, pressioná-los a recuarem da decisão que acabavam de tomar.

Ainda em torno deste caso, o @Verdade apurou que o valor resultante da venda do referido talhão foi usado para aquisição de motorizadas, o que gerou descontentamento no seio da família.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!