Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Detidos cinco agentes da PRM por crime de extorsão

Pelo menos cinco agentes da Policia moçambicana (PRM) ao nível da província central de Sofala encontram-se detidos em conexão com o seu envolvimento em casos de extorsão.

“São guardas estagiários e envolveram-se em crimes de extorsão”, disse o porta-voz do Comando- Geral da PRM, Pedro Cossa, falando hoje à imprensa durante o seu informe semanal sobre a situação criminal no país. Os cinco agentes, que ainda estavam a cumprir o seu período probatório, foram dispensados das fileiras da Policia, segundo manda o regimento da corporação.

Contudo, outros agentes da Policia no país conseguem resistir a tentativas de suborno. O exemplo disso é um agente que interceptou dois camiões, em Changara, província central de Tete, transportando 295 etíopes em situação ilegal em Moçambique.

Segundo Cossa, o tal agente da Policia negou um suborno de 50 mil kwachas (cerca de 9500 Meticais) malawianas oferecidas pelos condutores zimbabweanos. Os dois condutores encontramse agora sob custódia policial.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!