Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Detido falso médico na Beira

Um jovem que se fazia passar por médico no Hospital Central da Beira (HCB), capital da província de Sofala, na zona centro de Moçambique, foi detido, última quinta-feira, na 2ª Esquadra da polícia naquela urbe.

Trata-se de Siaca Madeira Ludai, de 26 anos, que poderá responder pelo crime de falsas qualidades por ter exercido, clandestinamente, a actividade médica naquela que é a maior unidade sanitária na região centro do país.

César Macome, d irector do Hospital Central de Beira, disse que o jovem, que é conhecido naquela unidade sanitária desde 2005 como um simples activista do Serviço de Atendimento de Adolescentes e Jovens (SAAJ), roubou uma bata branca e um estetoscópio para depois circular pelas enfermarias.

Macome afirma ter se recusado a conceder estágio àquele indivíduo, alegando que este tipo de pedidos não se faz a título individual, tal como o jovem pretendia, mas a nível das instituições.

O interlocutor afirmou conhecer o jovem como assíduo dador de sangue e activista do SAAJ, uma organização não-governamental, cujos escritórios funcionam no recinto do HCB.

Entretanto, já nas mãos das autoridades policiais, o falso médico reconheceu o erro. “Fiz isso para seguir a minha vocação. Estudei medicina na UCM até ao segundo ano e não pude continuar os estudos porque me retiraram a bolsa”, explicou o falso médico.

Durante o tempo em que exerceu ilegalmente esta actividade, Siaca Ludai disse ter trabalhado na pequena cirurgia onde fez suturas e drenagem de abcessos, adiantado que nunca fez cobranças ilícitas durante o tempo que exerceu falsamente a profissão de médico.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!