Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Desejável e viável criação de pequenos grupos de empresários moçambicanos

Projectos de cooperação entre Moçambique e a Rede Aga Khan para o Desenvolvimento com o objectivo de criar pequenos grupos de empresários moçambicanos é uma possibilidade desejável e viável, defendeu Graça Machel.

Líder do grupo Whatana (do ramo financeiro) e mulher de Nelson Mandela, Graça Machel declarou quarta-feira, durante uma cerimónia no Centro Ismaili de Lisboa, que “é necessário este tipo de cooperação (de desenvolvimento económico) não só para Moçambique, mas para toda a África Austral.” “Não podemos ficar somente em projectos sociais (educação, saúde). Temos de lançar mão de projectos de desenvolvimento económico, como a criação de pequenos grupos de jovens empresários”, disse, acrescentando que “o desenvolvimento dos países africanos depende disso”.

A Rede Aga Khan para o Desenvolvimento é um grupo de instituições privadas, internacionais, não-confessionais, que opera no sentido de melhorar as condições de vida e o acesso a oportunidades de populações em algumas das regiões mais pobres do mundo em desenvolvimento. A instituição tem uma representação em Lisboa e também actua em vários países, como em Moçambique, com projectos sociais e de desenvolvimento económico sobretudo no Norte moçambicano, uma das regiões mais pobres do país.

Graça Machel está em Portugal a convite da AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal), com a qual o grupo Whatana assinou recentemente um memorando de entendimento com vista a impulsionar investimentos portugueses na região africana.

A visita de Machel a Portugal terminou na sexta-feira, depois de esta quinta-feira ter participado no encontro “O mercado da África Austral”, organizado pelo AICEP no Hotel Pestana Palace. Viúva do ex-presidente moçambicano Samora Machel, Graça Machel tem-se destacado como activista na defesa dos direitos humanos. No final de 2009 foi galardoada, com o actual marido, por uma organização sueca pelo seu papel junto das crianças.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!