Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Desconhecidos agridem e destroem casa de líder comunitário

Indivíduos ainda desconhecidos agrediram, Sexta-feira, o líder comunitário de Maniquinique, distrito de Chibuto, província de Gaza, Sul de Moçambique, alegadamente porque ele é feiticeiro.

Além deste acto de agressão, os indivíduos ainda a monte também destruíram por completo a casa do líder comunitário em causa, segundo o portavoz do Comando da Polícia moçambicana (PRM) na província de Gaza, Isaltino Mavie.

A vítima destes actos é tida pela população local como sendo um feiticeiro e proprietário de um crocodilo que tem vindo a ceifar vidas humanas naquela comunidade, segundo escreve o jornal “Diário de Moçambique”.

“Quando estes indivíduos se fizeram a casa do líder comunitário, destruíram a sua residência, agrediram-no mas sem lhe causar ferimentos, graças a pronta intervenção da Polícia”, disse Mavie.

Quando se aperceberam da chegada da Polícia ao local, os supostos criminosos puseram-se em fuga, encontrando-se até hoje em parte incerta.

A Polícia diz estar a trabalhar no sentido de neutralizar os malfeitores, mas também apela a população para passar a reportar os casos de crime ou de suspeita aos órgãos competentes em administração da justiça e não enveredar por práticas da justiça pelas próprias mãos.

Refira-se que a zona onde reside o líder comunitário agredido é atravessada pelo Limpopo, um dos rios com uma elevada população de crocodilos que têm estado a semear pânico nas comunidades ribeirinhas.

O caso mais recente reportado em Gaza ocorreu no distrito de Guijá, onde um menor morreu e outro ficou gravemente ferido, vítimas de ataques por crocodilos quando se encontravam a tomar banho no rio.

Ainda em Gaza, um jovem encontrase hospitalizado no Hospital Distrital de Chóckwè na sequência de ferimentos provocados por crocodilos do mesmo rio.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!