Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Crédito do Comércio Bancário para as Pequenas e Médias Empresas

O IFC, membro do Grupo do Banco Mundial, e o Banco de Moçambique (BM) promovem na sexta-feira, em Maputo, um workshop subordinado ao tema “Informação sobre o Crédito do Comércio Bancário para as Pequenas e Médias Empresas (PME’s), organizado para bancos e instituições financeiras em Moçambique.

A informação sobre o crédito é de importância crítica para a expansão do crédito a nível retalhista e das pequenas empresas, porque a disponibilidade e uso de relatórios sobre o crédito aumentam a qualidade das decisões sobre o risco creditício e proporcionam uma mitigação significativa dos riscos para as instituições financeiras.

O desenvolvimento da informação sobre o crédito em África reforçará o sector financeiro e contribuirá para o crescimento económico sustentável. Fonte organizadora do evento referiu que o workshop reunirá o Banco de Moçambique, os chefes dos bancos e das instituições financeiras, assim como peritos internacionais em agências de crédito e PME’s para debater, entre outros assuntos, o papel das agências de crédito e da pontuação de risco de crédito no reforço da gestão dos riscos de crédito às PME’s e no desenvolvimento de carteiras sustentáveis das mesmas.

Refira-se que o IFC, membro do Grupo do Banco Mundial, cria oportunidades para que as pessoas saíam da pobreza e melhorem suas vidas. Fomenta o crescimento económico sustentável nos países em vias de desenvolvimento, pelo apoio ao desenvolvimento do sector privado, pela mobilização de capitais privados e pela provisão de serviços de assessoria e de atenuação de risco às empresas e aos governos.

Os novos investimentos somaram a 14,5 mil milhões de USD no exercício de 2009, ajudando desta forma a canalizar capitais para os países em vias de desenvolvimento durante a crise financeira. O IFC é uma instituição financeira internacional que focaliza a sua actividade exclusivamente para o sector privado, sendo este o motor do desenvolvimento sustentável nos mercados emergentes.

O IFC está actualmente a procurar um aumento de capital, de forma a reforçar a sua capacidade de criar oportunidades nos países em vias de desenvolvimento, inclusive através da ajuda dada ao apoio ao desenvolvimento de habilidades em gestão empresarial e de crescimento por parte das PME’s.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!