Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Consagrado nos 100m, Bolt volta a atenção para os 200m

Usain Bolt tem pouco tempo para comemorar a sua vitória extraordinária nos 100m e agora volta a sua atenção para o evento que mais ama, os 200m, no qual mais uma vez almeja desbravar novos territórios.

Domingo (5), o jamaicano tornou-se o único homem a vencer duas finais dos 100m, o que o coloca à frente de Carl Lewis, que venceu em 1984 e recebeu o ouro em 1988 depois da desclassificação de Ben Johnson.

Agora ele espera tornar-se o primeiro homem a conquistar dois ouros nos 200m, com qualquer método, e colocar-se como maior velocista da história de maneira incontestável.

Em Pequim, Bolt transformou-se no nono homem a completar a dobradinha 100m/200m, ambos com o recorde mundial, e sabe exactamente o que está em jogo agora.

“Nunca vou dizer que sou o maior até ter corrido os 200m”, declarou ele pouco depois de cravar o tempo de 9s63, Domingo (5), o segundo melhor tempo da história nos 100m.

“O que importava era isso, defender os meus títulos, porque é isso que vai fazer de mim uma lenda”. Apesar do seu chamativo recorde de 9s58 nos 100m no campeonato mundial de 2009, a sua marca de 19s19 nos 200m foi sem dúvida o seu melhor desempenho.

O que torna ainda mais surpreendentes os 19s26 de Yohan Blake em Bruxelas no ano passado, e insinua que os mesmos dois atletas vão bater-se novamente pelo ouro e pela prata na final de Quinta-feira (9).

Blake chegou logo atrás do seu companheiro de treino na final dos 100m. Com o tendão curado, Bolt poderá dar tudo de si, e emitiu um alerta ao jovem pretendente, que derrotou o mestre nas duas provas na selectiva jamaicana.

“Disse a Yohan que os 200m serão diferentes, porque é meu evento favorito”, afirmou Bolt. “Não vou deixá-lo me vencer novamente.”

Tendo passado mais de duas horas com a mídia e a assinar autógrafos. Domingo, Bolt disse que precisava de “repousar”.

Mas as fotos nos jornais que mostra-lhe a comemorar com amigos até as 3h da manhã indicavam que ele não estava com pressa de cair na cama antes das próximas provas, que começam na manhã da Terça-feira (7).

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!