Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Confiscadas 21 cartas de condução entre sábado e domingo

Vinte e um motoristas de transporte semicolectivo de passageiros, vulgo Chapa-100, ficaram sem as respectivas cartas de condução, nos primeiros dois dias de 2011, após terem sido surpreendidos a encurtar rotas na cidade do Maputo pelas forças combinadas da Polícia da República de Moçambique (PRM) e Polícia Municipal da capital.

Outros 90 condutores ficaram igualmente sem as respectivas cartas de condução por terem sido encontrados a conduzir em estado de embriaguez, segundo Orlando Mudumane, porta-voz do Comando da PRM na cidade do Maputo.

A fonte acrescentou ainda o registo de nove óbitos na capital moçambicana resultantes de 18 acidentes de viação ocorridos entre os dias 23 e 29 de Dezembro de 2010.

Ele especificou que um dos finados era motorista da empresa Transportes Públicos de Maputo (TPM), atropelado mortalmente pela sua colega quando esta tentava estacionar o autocarro no parque da empresa.

Em termos de crimes, Mudumane indicou ter sido frustrada uma tentativa de assalto à mão armada contra um estabelecimento comercial localizado no bairro da Malhangalene, arredores da cidade do Maputo.

No mesmo bairro registou-se, entretanto, o roubo de computadores portáteis e vários outros bens informáticos num apartamento de prestação de serviços de apoio.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!