Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Companhia de Sena não corre risco

Por outro lado, O Governador de Sofala que ainda ontem escalou a Vila Sede do Distrito de Marromeu, onde teve a oportunidade de interagir com as autoridades locais, incluindo líderes comunitários e população em geral, disse a imprensa na Beira que as actividades da Companhia de Sena não correm risco devido a essa situação de inundações provocadas pelo aumento do caudal do Zambeze.

“Felizmente tive a oportunidade de conversar com o representante da companhia que me disse que eles tem um dique de protecção na ordem de 13 metros, pelo que não correm risco absolutamente nenhum e a situação está estável”. Vieira disse que a fábrica continua a laborar normalmente, enfatizando que constrangimentos so poderão ocorrer caso aconteça uma coisa que seja extraordinária.

Ainda do encontro que manteve com o representante da Companhia de Sena, o Governador de Sofala disse ter transmitido saudação pelo envolvimento por parte da fábrica para sanar as dificuldades decorrentes das inundações em Marromeu. Além do envolvimento da Companhia de Sena, Maurício Vieira destacou a disponibilidade de uma organização religiosa em Marromeu a qual dispõem de uma avioneta que tem vindo da África do Sul e que tem estado a fazer um trabalho extremamente positivo, nomeadamente tem estado a sobrevoar o Zambeze para fazer o controlo da situação.

“Portanto, encontramos muita disponibilidade de várias organizações que estão a apoiar com os seus meios que permitem que as dificuldades sejam sanadas” – afirmou. A Companhia de Sena representa um dos maiores investimentos realizados na Província de Sofala no período pós conflito armado promovido pela Renamo. Representa igualmente um dos maiores empregadores ao nível da província, com cerca de oito mil trabalhadores. É uma das maiores indústrias açucareiras da região.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!