Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Combustíveis a preços especulativos em Angoche e Mossuril

Os combustíveis e lubrificantes distribuídos pela Petromoc nos distritos de Angoche e Mossuril, em Nampula, são os mais caros ao nível da província, facto que resulta da prática de preços acima do tabelado pelo governo por parte dos revendedores oficiais, comportamento que será penalizado segundo garantias do director provincial dos recursos minerais e energia, Moisés Paulino.

Aquele responsável disse que do trabalho de inspecção e fiscalização efectuado por técnicos do seu sector ao nível dos distritos foi possível constatar que em Angoche e Mossuril a violação das normas que regem o exercício da actividade ligada a comercialização de combustíveis e lubrificantes é uma constante que tende a assumir contornos alarmantes.

Referiu ainda que os proprietários ou utentes de veículos motorizados, naqueles pontos da costa de Nampula, sentem algum desconforto devido a especulação de preços sobretudo da gasolina e gasóleo que são comercializados com uma margem de Dez meticais por litro em relação ao preço tabelado pelo governo para aqueles pontos da província.

Moisés Paulino garantiu que os infractores do regulamento de comercialização de produtos petrolíferos em Angoche e Mossuril serão penalizados acrescentando que as multas são calculadas de acordo com a capacidade do tanque instalado no posto.

O papel dos órgãos governamentais, de acordo com a nossa fonte, é de assegurar os direitos do cidadão e que a sua instituição não vai ficar alheia a especulação do preço dos combustíveis e lubrificantes em qualquer ponto da província.

Moisés Paulino explicou que a instituição que dirige está preocupada com a proliferação em todos pontos da província, sem excepção, de revendedores de combustíveis e lubrificantes cujo exercício não reúne o mínimo de condições visando garantir qualidade do produto que comercializam alem de falta de licença emitida por parte de entidade competente a vários níveis.

Técnicos da DPRME em Nampula vão brevemente desdobrar-se aos distritos no sentido de apelar aos revendedores de combustíveis para legalizar a sua actividade, porque o governo não está contra o exercício de actividade económica que sirva de sustento das famílias mas defende que o seu exercício deve estar a coberto da legislação sobre a matéria.

É ao nível do sector informal que se assiste a viciação dos combustíveis para obtenção de margem de lucros fabulosos, prática que resulta em prejuízos incalculáveis as viaturas e motorizadas.

Os distritos de Mogincual, Murrupula e Mossuril possuem bombas de venda de combustíveis desde o ano passado, infra-estruturas económicas que estão neste momento em construção nas vilas sedes distritais de Lalaua, Mecuburi, Muecate.

Moisés Paulino disse que esta iniciativa que vai abranger proximamente o distrito de Memba, visa essencialmente colocar os produtos petrolíferos com qualidade mais próximo do cidadão.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!