Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cinco óbitos em acidentes de viação na capital moçambicana

Onze acidentes de viação, 10 dos quais do tipo atropelamento, deixaram pelo menos cinco mortos e 10 feridos graves, entre 22 e 28 de Agosto prestes a findar, na cidade de Maputo. A Polícia, que reafirma tratar-se de um problema recorrente, reitera os apelos para a observância das regras elementares de condução e trânsito.

O décimo primeiro sinistro foi do tipo um choque entre viaturas, disse Orlando Modumane, porta-voz do Comando da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo, e indicou que “o excesso de velocidade e a má travessia de peões” são as principais causas.

“Continuamos a registar maior número de casos de atropelamentos”, por isso, “reiteramos o apelo para que haja muita responsabilidade na via pública, quer por parte dos automobilistas, quer por parte dos peões”, instou o agente da Lei e Ordem, lembrando que “há muita gente que perde a vida na cidade de Maputo e outra fica mutiladas” por conta da sinistralidade rodoviária.

Por sua vez, a Polícia de Trânsito (PT) fiscalizou 3.237 viaturas, 19 das quais apreendias por várias irregularidades, impôs 1.031 avisos de multa e submeteu mais 300 condutores ao teste de álcool. Destes, 83 faziam-se ao volante sob efeito de álcool e 15 ficaram sem as suas cartas por reincidência nesta matéria.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!