Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cinco biliões de meticais para abafar tumultos de Setembro

Os subsídios aos alimentos e combustíveis anunciados pelo Governo para abafar os tumultos dos dias 1 e 2 de Setembro de 2010, em Moçambique, custaram ao erário público cerca de cinco biliões de meticais, o correspondente a 25% do Produto Interno Bruto (PIB).

 

 

Cerca de 2,9 mil milhões de meticais daquele valor, ou seja, 0,9% do PIB, foram para subsídios aos combustíveis e o restante montante para subsidiar pão e cereais, em medidas de emergência tomadas pelo Executivo para protecção das camadas da população moçambicana mais pobres que foram as mais atingidas pelo agravamento em cerca de 73% dos preços dos combustíveis, nos princípios de 2010.

Este aumento abriu campo para os preços dos cereais e pão também serem agravados no mercado doméstico, provocando manifestações populares violentas de 1 e 2 de Setembro passado.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!