Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cidadã sequestrada continua em parte incerta e Polícia sem pistas

O paradeiro de dois cidadãos de ascendência asiática, de nacionalidade moçambicana, sequestrados na capital de Moçambique na quinta e sexta-feira passadas continua uma incógnita. A Polícia da República de Moçambique (PRM), no seu balanço semanal, não mencionou estes dois sequestros porém revelou a existência de um terceiro sequestro de cidadã nacional.

Segundo a PRM a vítima, cujo nome e idade não foram revelados, foi sequestrada na passada sexta-feira (05), no bairro da Costa do Sol, arredores de Maputo, por indivíduos não identificados munidos de uma arma de fogo que interpelaram a vítima e introduziram-na numa viatura e puseram-se em fuga.

Entretanto os dois cidadãos sequestrados, segundo fontes não oficiais, são o proprietário de um loja denominada Omar Trading e a outra é filho do dono de um empresa de ferragens, a Socoal, identificado pelo nome de Arshad Abdala.

“Neste momento não podemos avançar nada sobre as averiguações, mas a Polícia está a trabalhar para desmantelar a rede de sequestradores que ainda andam a solta na capital moçambicana”, disse Orlando Modumane, o porta voz da PRM que se escusou a comentar sobre os indivíduos detidos há alguns meses acusados de participação nos sequestros que em meados do ano passado assolaram a capital moçambicana e chegaram mesmo a originar a “fuga” de alguns empresários pertencentes a Comunidade muçulmana, hindu e ismaelita residente em Moçambique.

Recorde-se que em Agosto de 2012 o Presidente da República, Armando Guebuza, chegou a reunir-se com representantes da Comunidade muçulmana, hindú e ismaelita que haviam ameaçado realizar um greve comercial caso o Governo não solucionasse os sequestros.

 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!