Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Chipre e Rússia não chegam a acordo sobre empréstimo

A Rússia e o Chipre não conseguiram chegar a um acordo de empréstimo em negociações, esta Quarta-feira (20), o qual Nicósia esperava que fosse ajudar o país na sua crise financeira.

O ministro das Finanças cipriota, Michael Sarris, afirmou depois das negociações com o ministro das Finanças russo, Anton Siluanov, que permanecerá em Moscovo por quanto tempo for necessário para tentar chegar a um acordo.

O Chipre pediu à Rússia uma extensão de cinco anos de um empréstimo de 2,5 bilhões de euros que vence em 2016, assim como uma redução da taxa de juros de 4,5 por cento.

O Chipre também pediu à Rússia um empréstimo de mais 5 bilhões de euros, disse o Ministério das Finanças russo, mas Moscovo não anunciou uma decisão sobre o pedido.

“Tivemos uma discussão bastante honesta, destacamos como a situação é difícil”, disse Sarris a repórteres. “Agora continuaremos a nossa discussão para encontrar a solução com a qual esperamos receber algum apoio.”

Moscovo está irritada porque a União Europeia não a consultou sobre a proposta de um imposto sobre depósitos bancários nos bancos cipriotas como parte de um resgate de 10 bilhões de euros da ilha mediterrânea.

Terça-feira, o Parlamento de Chipre rejeitou o imposto proposto.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!