Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

China e clima fazem cair petróleo abaixo dos 81 dólares

Os preços do petróleo fecharam em forte baixa esta terça-feira, com o barril caindo abaixo dos 81 dólares sob a pressão da volta das temperaturas ao normal nos Estados Unidos e de anúncios da China para conter um superaquecimento de sua economia.

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de ‘light sweet’ para entrega em fevereiro perdeu 1,73 dólar em relação a ontem, fechando a 80,79 dólares. No InterContinentalExchange de Londres, o barril do Brent do Mar do Norte para entrega em fevereiro perdeu 1,67 dólar, a 79,30 dólares. Dois fatores provocaram esta queda.

Os investidores ficaram preocupados com medidas tomadas pelo Banco Central da China para conter o superaquecimento da economia do país: o aumento do nível de reservas obrigatórias para os grandes bancos e a elevação da taxa de juros sobre os bônus do Tesouro a um ano.

O gigante asiático é considerado o motor da recuperação da demanda mundial de petróleo, como lembrou mais uma vez a agência americana da Energia em seu relatório mensal. Além disso, a previsão de volta ao normal das temperaturas no nordeste dos Estados Unidos, acalmou o ímpeto dos investidores. “Nas duas últimas semanas, compramos muito petróleo para antecipar o frio. Porém, quando o frio passar, não poderemos esquecer que as reservas continuam superiores à média deste período do ano”, observou Phil Flynn, da PFG Best Research.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!