Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Carvão de Moatize / Vale associa-se a empresa portuguesa

O grupo brasileiro Vale constituiu uma parceria com a empresa portuguesa SGC Energia para a transformação de carvão extraído em Moçambique em combustível líquido.

Segundo noticia o jornal português Diário Económico, a nova empresa irá construir uma unidade industrial na província de Tete, centro de Moçambique, para proceder à conversão de parte do carvão a ser extraído na concessão da Vale em combustível líquido, através de um processo conhecido como gaseificação e liquefacção do carvão.

A mina a céu aberto, localizada em Moatize, entregue em concessão à Vale, irá produzir vários tipos de carvão. O carvão de coque, de maior qualidade, destina-se à exportação para utilização no sector siderúrgico, enquanto o carvão térmico alimentará uma central eléctrica com uma capacidade instalada de 300 megawatts. Já o carvão com elevado teor de cinzas será convertido em combustível.

Durante a recente cerimónia que marcou o arranque da exploração mineira em Moatize, o antigo presidente da Vale, Roger Agnelli, disse que a pretensão é gaseificar o carvão com elevado teor de cinzas, ‘através de um processo que vamos desenvolver com um parceiro português e com uma companhia em Houston, nos Estados Unidos da América’.

A Vale é um dos maiores grupos do sector mineiro ao nível mundial e líder de mercado na América Latina.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!