Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Botswana exporta pela 1ª vez 25 toneladas de carvão pelo porto de Maputo

A companhia Recursos Energéticos Africanos (AFR) do Botswana anunciou a primeira exportação de 25 toneladas de carvão por via ferroviária até ao porto de Maputo, no Sul de Moçambique, numa operação que durou quatro dias.

Em comunicado divulgado na página electrónica da companhia, a instituição considera que a exportação de carvão via ferroviária demonstra que é possível utilizar-se esta infra-estrutura para o transporte deste minério.

As 25 toneladas de carvão saíram do Terminal de Carvão de Sese, na estação ferroviária de Francistown, no Botswana, no dia 3 de Abril corrente, e foram transportadas via Bulawayo, no Zimbabwe, até ao porto de Maputo no passado dia 07 de Abril, refere a nota, citada pela Rádio Moçambique.

O ministro dos Transportes e Comunicações do Botswana, Nonofo Molefhi, destacou a importância da operação, por demonstrar que “é possível” utilizar a estação ferroviária de Francistown para a exportação do carvão mineral para o porto de Maputo e, em última análise, para os mercados asiáticos.

Nonofo Molefhi destacou a importância do projecto de carvão de Sese para colmatar problemas de energia na região austral de África, nomeadamente, os da Eskom, a companhia energética sul-africana.

“Depois, há os mercados de exportação, onde a procura continua alta, especialmente na Índia, devido à incapacidade de algumas regiões indianos em aproveitar o potencial de que dispõem”, disse o ministro.

O Terminal de Carvão de Sese possui 2,5 mil milhões de toneladas de carvão, de acordo com uma avaliação feita em 95 por cento do potencial da reserva.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!